27/11/06 - 10h37

Alunos da EMEF Freitas Brandão comemoram 40 anos da instituição

clique para ampliar
Fotos: Walter Martinsclique para ampliarclique para ampliar
O final de semana foi de festa para os alunos da Escola Municipal de Ensino Fundamental General Freitas Brandão, localizada no Bairro Suíssa, que participaram de diversas atividades para comemorar os 40 anos de fundação da instituição, além de integrar a escola e a comunidade do bairro, assim como, divulgar os trabalhos realizados pela unidade de ensino. As festividades tiveram início no dia 20 de outubro com um leilão e 27 de outubro com uma gincana cultural, mas ganharam fôlego este final de semana. A primeira atividade realizada foi a celebração de uma missão em ação de graças, realizada na Igreja Nossa Senhora do Carmo, que fica no prédio ao lado da unidade de ensino. “Educar é a arte de construir a cidadania e edificar o futuro”. Este é o conceito da coordenadora geral da EMEF Gal. Freitas Brandão, a professora Enaura Souza do Nascimento, ao ressaltar que a comemoração é justamente a culminância de vários projetos que a escola vem desenvolvendo em favor do crescimento intelectual dos alunos, com o apoio de toda comunidade escolar, do bairro e da Secretaria Municipal da Educação. ´Meu Brasil brasileiro´, ´Baú de leitura´, ´Recriando o recreio´, ´151 anos de Aracaju´ e ´Nossa história´, são alguns dos projetos desenvolvidos pelo Freitas Brandão, em que há a participação efetiva de vários alunos da escola. “Estaremos premiando também os estudantes que se destacaram em vários concursos, como a ´Olimpíada Brasileira de Matemática´, ´A cidade de Aracaju´ e o ´Uso da camisinha´, onde obtivemos excelentes resultados”, acrescentou Enalva. Para o prefeito-mirim, o aluno Daniel Vinícios, da 5ª série, é imprescindível este tipo de comemoração com toda a comunidade escolar. “Acho muito importante este festejo, pois 40 anos de vida não são dois anos. Fico muito feliz em saber que a escola possui uma educação de qualidade e em saber que estudo no mesmo local em que minha família se formou”, disse Daniel. Além da missa, os alunos da Freitas Brandão também participaram do descerramento da placa comemorativa aos 40 anos, das apresentações de flauta doce, de violino - pela professora Deborah Prado, que apresentou o concerto ´As quatro estações de Vivaldi´ na inauguração do memorial da escola, onde estão as fotos de todos os ex-coordenadores gerais da unidade de ensino -, e do grupo teatral do Freitas. Também aconteceu o ‘Torneio Desportivo Freitas 40 anos’ e um coquetel de encerramento das comemorações, no dia 25.