Prefeitura Municipal de Aracaju/SE

Fundat inicia rodada de negócios em comunidades

Uma reunião entre o presidente da associação de moradores do bairro Santa Tereza e representantes da diretoria de empreendedorismo e cooperativismo da Fundação Municipal de Formação para o Trabalho (Fundat) aconteceu na manhã de quarta-feira, 12, com o objetivo de programar uma rodada de negócios na comunidade com o foco principal para microempreendedores locais. O intuito é percorrer toda Aracaju com ações assim. A primeira rodada de negócios ficou agendada para o mês de agosto.

Foram apresentados todos os programas estruturantes da Fundat e detalhamentos dos serviços oferecidos, como a oferta de microcrédito e formalização do microempreendedor individual (MEI). Poderão participar da iniciativa somente empreendedores formais e informais, assim como feirantes e ambulantes da comunidade, e a ação contará com o apoio de parceiros como o Banco do Estado de Sergipe (Banese) e Caixa. Essa busca ativa nos bairros possibilita uma maior assertividade no fomento do empreendedorismo, um dos principais objetivos da atual gestão.

O presidente da Associação dos Moradores e Amigos do Conjunto Santa Tereza (Amast), Adriano Sousa, ficou entusiasmado com as possibilidades apresentadas. “Aqui é uma área bem contemplada e muito ativa nos negócios. Em meio a essa crise toda que estamos vivendo, isso é muito mais que uma oportunidade que a Prefeitura de Aracaju está nos oferecendo. Vai ajudar muito os comerciantes. Para mim, não teve notícia melhor nos últimos tempos”, afirma.

Segundo a coordenadora do Credpovo, Trícia Dantas, essas ações circularão mensalmente Aracaju de norte a sul, o Santa Tereza é o projeto piloto. “O nosso objetivo é chamar as pessoas da informalidade apresentando as vantagens da formalização. Queremos melhorar o negócio dessas pessoas e explicar a elas as responsabilidades que precisam ter enquanto empreendedoras. Daremos toda a orientação que for necessária”, completa Trícia.