Prefeitura Municipal de Aracaju/SE
Educação

Secretária da Educação participa de homenagens ao Dia das Mães na Emei Júlio Prado Vasconcelos

12/05/18 14h20


A secretária municipal da Educação, Maria Cecília Leite, participou, neste sábado, 12, de uma manhã de diálogo, interação e homenagens alusivas ao Dia das Mães na Escola Municipal de Educação Infantil (Emei) Júlio Prado Vasconcelos, localizada no bairro São Conrado. O evento é parte, também, das comemorações de 18 anos de inauguração da escola e, durante toda a manhã, houve apresentação de dança, serviços de massoterapia, entrega de lembrancinhas, sorteio de brindes e lanches.

Ouvindo e dialogando com as mães, a secretária Maria Cecília Leite destaca que esse contato entre escola e família é fundamental para alinhar o trabalho da Educação de Aracaju, afim de que seja ofertado o melhor serviço no desenvolvimento do aluno. “Agradeço o convite da escola. Foi muito bom estar aqui nessa manhã e ver de perto que as mães se sentem valorizadas por nós. Ouvi elogios à esta instituição, sugestões de melhorias, assisti nossas mães se divertindo. Confio plenamente na equipe da Emei Júlio Prado e vejo que essa confiança também é sentida pelas mães”, pontua.

Paloma da Silva, mãe do aluno Ícaro Islan Silva Nascimento, do Infantil III, agradece pela dedicação da Emei para com a família. Ela relata que a Júlio Prado está sempre envolvendo os pais na rotina da escola. “Gostei bastante do que a escola preparou para mim e outras mães. Foi uma manhã de sábado diferente do que está no meu dia a dia. Me diverti com a dança, recebi massagem relaxante. E foi muito legal ter a presença da secretária da Educação com a gente. Só tenho a agradecer o carinho e respeito com que toda a equipe daqui nos trata”, expressa.

Parceria e cuidado

A coordenadora pedagógica da Emei, Jéssica Marinho, ressalta o compromisso da escola em desenvolver ações como essa, que integram aluno e família, auxiliando nos bons resultados obtidos a partir da prática do plano pedagógico da Emei. “Essa não é uma escola parada, mas uma escola ativa, onde nós, gestoras, professoras e cuidadoras nos preocupamos em realizar projetos diferentes, que atraia a atenção das crianças e contribua para o seu desenvolvimento”, conta.

Ela fala, ainda, sobre outros projetos desenvolvidos pela escola durante todo ano letivo. “Nos esforçamos bastante no cuidado com o crescimento dos meninos e meninas aqui matriculados. Temos vários projetos em que contamos com a participação da comunidade e instituições parceiras, como o Senac, Fundação São Lucas e a Universidade Tiradentes (Unit). Promovemos passeios à Biblioteca Pública Infantil, ao Oceanário de Aracaju, as crianças foram inscritas por nós no Festival Internacional de Cinema Infantil (Fici) e no projeto de Papai Noel nos Correios, em que recebemos quase 100% de doações”, revela.

Avó do aluno Paulo Gabriel dos Santos Silva, do Infantil II, Edileuza Santos aprova o trabalho desenvolvido pela Emei. “Essa aqui, para mim, é uma excelente creche. É uma segunda casa para a gente, porque quando vamos trabalhar sabemos que nossa criança está em boas mãos.  Eu converso com diretora, coordenadora, professora, acompanho de perto como está meu filho, elas também sempre me procurando também.  Meu neto é bem cuidado, faz questão de vir e fico realizada vendo que ele está se desenvolvendo. Ele, com 4 anos, já escreve o nome dele, já conta até dez e faz continhas”, enfatiza.

Já o pai dos alunos Carlos Eduardo e Eridan Jesus Santos, Edivaldo Santos, explica que foi à festinha de Dia das Mães porque ele, sozinho, cuida dos dois alunos e uma filha mais velha. Para ele, a creche escola tem um papel importante no auxílio aos cuidados com as suas crianças. ”Essa creche é pai e mãe das crianças. Minha filha mais velha estudou aqui desde o primeiro ano de escola até o último da educação infantil, e nunca tive o que reclamar dessa equipe. Quando venho pegar meus filhos eles estão alimentados corretamente, limpinhos. Isso me deixa tranquilo”, atesta.