Prefeitura Municipal de Aracaju/SE
Educação

Secretária da Educação recebe título de excelência da SMS

14/05/18 17h26

Na tarde desta segunda-feira, 14, a secretária municipal da Educação, Maria Cecília Leite, foi uma das contempladas com o título de excelência  pela Coordenadoria de Serviço Social da Secretaria Municipal da Saúde (SMS) no auditório da Sociedade Médica de Sergipe (Somese). A homenagem aconteceu durante evento alusivo ao Dia do Assistente Social e é um reconhecimento pela contribuição na construção e consolidação do Sistema Único de Saúde (SUS) e pelos relevantes serviços prestados.

Para a secretária Cecília Leite, que possui 32 anos de trabalho dedicados ao Serviço Social, é uma honra receber um símbolo de reconhecimento como este. “Nessa semana em que é comemorada o Dia do Assistente Social, receber essa homenagem mostra que obtive bons resultados com minhas pesquisas e meu trabalho. É uma prova, para mim mesma, principalmente, de que eu conduzi a vida profissional com coerência e pautada na ética profissional”, expressa.

A coordenadora de Serviço Social da SMS, Sindaya Belfort, agradeceu a presença da secretária no evento e destaca o papel dela na área da Saúde. De acordo com ela, Cecília participou ativamente, e por um longo tempo, da idealização e construção de toda essa política de saúde que está em prática atualmente, realizada pela Assistência Social em Aracaju.

“A gente sabe que o SUS é um sistema mais recente e Cecília fez uma defesa significativa pela presença dos profissionais de Serviço Social nas Unidades Básicas de Saúde, lutando para garantir que estivéssemos presentes nas redes. Além disso, em seu trabalho de doutorado ela faz um resgate histórico desse panorama”, agradece Sindaya.

Parte da equipe da Semed esteve presente para prestigiar a secretária na  homenagem. O diretor do Departamento de Gestão de Pessoal (DGP), Jeilson Assunção, conhece a trajetória profissional de Cecília e diz ser muito importante testemunhar essa justa homenagem. “Acho bastante louvável a iniciativa. Ela é figura relevante entre os assistentes sociais de Aracaju e todo Sergipe, a primeira assistente social de formação que se tornou professora na Universidade Federal de Sergipe e, como doutora, que desenvolveu pesquisas em Serviço Social”, pontua.