Prefeitura Municipal de Aracaju/SE
Saúde

Saúde dá continuidade ao Planejamento Estratégico Local nas unidades básicas

06/07/18 13h10

Planejar é o fundamento principal para o bom desempenho de qualquer ação. Com base nesse objetivo, a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) desenvolve o Planejamento Estratégico Local (PEL), um projeto que visa estudar as áreas as quais a saúde municipal atua, para identificar pontos fracos e fortes, e possíveis melhorias que podem ser realizadas em cada comunidade atendida pelas Unidades de Saúde da Família (USF).

Esta semana ocorreu a segunda etapa do PEL na Unidade da Família de Saúde Eunice Barbosa, localizada no bairro Coqueiral, e a secretária Waneska Barboza fez uma apresentação da proposta do planejamento local.

"Inicialmente, trazemos os indicadores aplicados pelas equipes, debatemos os problemas com a gestão, e juntos pensamos nas melhores soluções, construindo as propostas para serem trabalhadas com as comunidades, monitorando todo o planejamento de acordo com cada USF. Neste planejamento, a SMS tem trabalhado a integração de todas as áreas, por entender que cada membro do processo é peça essencial para o conjunto", explicou.

Ainda segundo Waneska, quando o plano está formulado, é possível enxergar a realidade de cada área, e onde devem ser aplicados mais esforços. "Sejam os pontos fortes que devem ser reforçados no processo, sejam as insuficiências que precisam ser superadas com o plano. Não há como pensar o plano desvinculado da realidade objetiva em que ele será implantado", complementou.

Eunice Barbosa

Na última reunião ocorrida na Eunice Barbosa, foi apresentado um diagnóstico estrutural do processo do trabalho, com indicadores da unidade, que servirão de base para a equipe planejar mudanças de forma estratégica na USF.

"Daremos seguimento ao planejamento das problemáticas e as estratégias para melhorar. Este planejamento estratégico é o cálculo que precede a ação, e esse cálculo pressupõe levantar a situação em que nos encontramos, compreender o ambiente, pensar o objetivo, formular metas, definir indicadores de controle. Então, esse processo é muito rico e nos permite reparar erros", afirmou a coordenadora de linhas de cuidado e assessoria da Rede de Atenção Primária, Nara Mariano.

Nara acrescenta que as reformas e ampliações promovidas pela gestão também visam aumentar a qualidade do serviço e ampliar o atendimento. "Essas obras permitem aos servidores desenvolver de atividades mais completas para que possam disponibilizar toda a sua capacidade técnica aos cidadãos. Finalizada a construção deste plano, a Eunice Barbosa, por exemplo, terá recebido a revitalização estrutural, os pontos lógicos e, por fim, o prontuário eletrônico", observou.