WEBMAIL

LINKS

ACESSO RÁPIDO

MENU

Secretário visita UBS Carlos Hardman para apurar denúncias

clique para ampliar
clique para ampliar
clique para ampliar
clique para ampliar

 

O secretário municipal da Saúde, André Sotero, esteve na manhã desta quinta-feira, 25, na Unidade Básica de Saúde (UBS) Carlos Hardman, no bairro Soledade, para apurar denúncia contra uma agente comunitária de saúde da Oitava Região, que teria desrespeitado uma usuária que acabara de dar à luz. A reclamação foi formalizada pela paciente na Ouvidoria da Secretaria Municipal de Saúde e no Conselho Tutelar da região. 

Acompanhado do conselheiro tutelar Cícero Hugo Medeiros, e do membro do Conselho Municipal de Saúde, Deoclécio Fonseca, André Sotero se reuniu com a usuária para ouvir sua versão dos fatos. A paciente fez o seu relato, dando conta de que a agente comunitária de saúde havia se recusado a agendar consulta para o seu filho pequeno e que teria rasgado o prontuário da família na frente da paciente. Sua fala divergiu da defesa da agente comunitária, prestada à Ouvidoria. O impasse ocorreu porque a usuária estaria se mudando para outra região da cidade, não mais pertencendo àquela unidade.

O secretário ouvir seu relato e disse quem independentemente da agente estar correta no que diz respeito à família não mais pertencer à unidade, jamais poderia ter negado atendimento médico a um paciente e, ainda por cima, rasgar o prontuário da paciente da forma denunciada. André Sotero garantiu que sua gestão não reconhece e nem chancela qualquer desrespeito aos cidadãos que buscam atendimento na rede de saúde de Aracaju e pediu desculpas em nome do prefeito Edvaldo Nogueira e do seu próprio nome.

Cícero Hugo Medeiros ficou satisfeito com a postura do secretário André Sotero. “Pela primeira vez estou vendo um secretário tomar providências nesta unidade e ele tem minha admiração por isso”, declarou o conselheiro, informando que sua presença na unidade atendia a um chamado da usuária. Já o conselheiro Deoclécio Fonseca destacou o empenho do secretário André Sotero de fazer uma gestão séria. “A gente está vendo a sua vontade de resolver os problemas”, enfatizou.

Perseguição

Para o secretário André Sotero, que defende a reconstrução da saúde pública de Aracaju a partir da participação da população, através dos conselhos, e dos trabalhadores, a partir dos sindicatos, ouvir denúncia de que em sua gestão há perseguição e assédio moral aos trabalhadores é um absurdo. “Quem me conhece jamais acreditará nesse tipo de denúncia. Nunca persegui e jamais perseguirei quem quer que seja. As unidades de saúde são espaços de medicina e não locais para se fazer política”, rebate o secretário.

André Sotero refere-se à denúncia do vereador Fábio Meirelles, de que estaria perseguindo sua esposa, um auxiliar de enfermagem lotada na UBS Carlos Hardmam. Aproveitando sua ida já programada àquela unidade, procurou se inteirar dos fatos envolvendo a profissional a apoiadora da SMS naquela área. Ele ouvir a auxiliar de enfermagem afirmar que se sentia perseguida pela funcionária, que rebateu a denúncia afirmando que suas as medidas têm como objetivo oferecer a melhor assistência possível aos usuários e que isso muitas vezes desagrada os servidores. O secretário garantiu que vai apurar o caso e adotar as medidas cabíveis. Reforçou aos presentes que em sua gestão não há espaço para esse tipo de comportamento.   

Twittar Curtir
TAMANHO DA FONTE A+ A-
Prefeitura Municipal de Aracaju
Centro Administrativo Prefeito Aloísio Campos Rua Frei Luís Canelo de Noronha, 42 - Conj. Costa e Silva - CEP 49097-270
Aracaju, Sergipe - Brasil - Fone: (79) 3218-7800

Swapi Agência Digital