Prefeitura Municipal de Aracaju/SE

Eliane Aquino constrói parceria para destinação de IR para Fundo Municipal da Criança e do Adolescente

Com foco na conscientização da sociedade em prol da destinação do Imposto de Renda para o Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, a vice-prefeita e secretária municipal da Assistência Social, Eliane Aquino, se reuniu na manhã desta quarta-feira, 29, com representantes do Conselho Regional de Contabilidade de Sergipe (CRC-SE) e da Receita Federal. O encontro é decorrente de um primeiro momento já ocorrido no mês de setembro deste ano, onde as discussões foram iniciadas com o objetivo da realização de uma campanha de sensibilização voltada para a sociedade civil e a melhoria da qualidade de vida de crianças e adolescentes da capital sergipana.

“A secretaria buscou a aproximação com o Conselho de Contabilidade para reativar uma campanha que já aconteceu no passado para a destinação de um percentual legalmente instituído do imposto de renda, tanto de pessoa física, quanto de pessoa jurídica, para fundos públicos. Entre eles, o Fundo da Criança e do Adolescente e o Fundo do Idoso”, destacou Eliane Aquino. A intenção é que, durante a campanha informativa, sejam desfeitas todas as dúvidas relacionadas ao tema. “A sociedade tem pouco entendimento de como pode fazer isso e de sua importância. A realidade é que muitas pessoas ainda acreditam que podem ser prejudicadas, mas é justamente o contrário. O contribuinte dará o direcionamento e saberá onde efetivamente estes recursos serão aplicados”, pontuou.

Para a presidente do CRC-SE, Angela Andrade Dantas, agora é o momento de se partir para a efetividade. “Nós já conversamos sobre nossas questões e agora precisamos procurar parceiros para atingir as entidades que podem ser potenciais doadoras. Inicialmente faremos convênios com órgãos públicos para a criação de uma rede de cidadania. É importante salientar que neste momento de crise, com tanta falta de recursos públicos, a população pode fazer a sua parte, beneficiando quem mais precisa. Estamos nos antecipando ao momento da declaração do IR do ano que vem, que acontece entre os meses de março e abril de 2018, para obter o apoio massivo da sociedade”, explicou.

O delegado adjunto da Receita Federal, Edson Fiel, endossou a fala da presidente do Conselho, destacando o trabalho conjunto a ser realizado pelo órgão. “A Receita Federal entra nessa parceria com um apoio mais técnico e a realização de palestras informativas, para mostrar à população que não há prejuízo no processo de destinação de parte do seu imposto para fins sociais. Nós temos um potencial valor que poderia estar sendo utilizado em benefício das pessoas  mais carentes, que são atendidas por projetos sociais, mas não está sendo utilizado para a devida finalidade”.