Aracaju investe em equipamentos meteorológicos e intensifica prevenção em período chuvoso

Agência Aracaju de Notícias
27/05/2024 15h30

No início da atual gestão, em 2017, a Prefeitura de Aracaju elaborou um Plano de Resiliência a fim de orientar e qualificar ainda mais as práticas de redução de possíveis desastres e garantir a segurança da população. A partir disso, o município investe em equipamentos tecnológicos para o monitoramento em tempo real das condições climáticas, além de melhorar a infraestrutura básica e realizar drenagem pluvial de comunidades inteiras.

O monitoramento é viabilizado por meio do ClimAju, a partir de um sistema administrado pela Secretaria Municipal da Defesa Social e da Cidadania (Semdec). A plataforma conta com um sistema de pluviômetros abrangente, composto por 18 unidades, além de 7 câmeras de clima, sensores de inundação e sensores de movimentação de terra, cobrindo toda a cidade. Essa rede fornece informações precisas sobre quantidade, intensidade e acumulado de chuvas, permitindo uma resposta rápida e eficaz em caso de riscos iminentes.

Esses dados são disponibilizados a toda a população na plataforma digital hospedada no site da administração municipal, que possibilita o acesso a informações sobre o clima em diversos pontos da cidade, de forma totalmente gratuita. O secretário municipal da Defesa Social e da Cidadania, tenente-coronel Silvio Prado, diz que o sistema de monitoramento em tempo real reduz o tempo resposta das equipes da Defesa Civil, além de permitir que esses profissionais atuem de maneira preventiva.

“A Defesa Civil conta tanto com equipamentos materiais quanto com empresas que auxiliam na tomada de decisão. Tudo isso permite que possamos atuar de maneira preventiva, principalmente em momentos de chuva. Desta forma, conseguimos otimizar as forças de trabalho para essas áreas onde tem maior volume de chuva em determinados momentos. São ferramentas estratégicas que estão à disposição para que possamos garantir a segurança dos aracajuanos”, disse Silvio.

O coordenador da Defesa Civil de Aracaju, Robson Rabelo, diz que em decorrência das mudanças climáticas, os eventos adversos relacionados às chuvas intensas têm se tornado cada vez mais frequentes. O monitoramento, de forma contínua, assim como a leitura desses dados, de forma automática, asseguram uma maior eficiência e menor tempo de resposta na tomada de decisão.

“Cada equipamento atende a uma necessidade e indica a forma como devemos agir. Com os sensores de velocidade do vento, conseguimos saber qual região está com mais incidências nesse sentido; com os pluviômetros, conseguimos saber qual região de Aracaju está sendo mais impactada por chuvas intensas; com os sensores de alagamento e inundação, sabemos o nível dos rios. O equipamento mede a cota de elevação e nos dá a variação da cota do rio em tempo real, possibilitando retirar pessoas de áreas de inundação antecipadamente, como aconteceu recentemente no Largo da Aparecida”, detalha Rabelo.

Além desses equipamentos técnicos, que auxiliam a Defesa Civil na tomada de decisões, a população conta com o sistema de alerta via SMS. Com quase 100 mil pessoas já cadastradas, a plataforma garante que a população seja informada e orientada antecipadamente acerca de eventos climáticos. Para isso, basta enviar uma mensagem via SMS para o número 40199 e colocar no campo do texto o CEP do local que deseja receber informações. O serviço é gratuito e permite que uma mesma pessoa cadastre mais de um CEP. Com o cadastro, a população tem acesso a informações de maneira antecipada sobre condições que demandam atenção, como maré alta, ventos fortes, chuvas intensas e outros.

Outra medida importante que contribui para a resiliência da capital é a central 199, um canal de comunicação direto e emergencial com a população, que funciona 24 horas por dia. Isso possibilita que os cidadãos solicitem os recursos da Prefeitura em situações de emergência, contribuindo para diminuir o tempo de resposta e atender a todos os chamados. Aracaju é o único município do estado de Sergipe a portar todos estes canais de alerta e monitoramento juntos.