Prefeitura Municipal de Aracaju/SE
Saúde

Saúde inicia orientação de processos de trabalho sobre diabetes nas unidades

06/11/18 19h09

A Secretaria Municipal da Saúde, através do Programa Municipal de Saúde do Adulto e do Idoso (PMSAI), iniciou nesta terça-feira, 6, a etapa de matriciamento do diabetes mellitus e hipertensão arterial com os profissionais das Unidades Básicas de Saúde (UBS). A UBS Carlos Hardman Côrtes, do bairro Soledade, foi a primeira a receber os técnicos do Programa para discutir os processos de trabalho.

O processo de Educação Continuada do PMSAI foi dividido em três etapas. A primeira foi a parte teórica em hipertensão e diabetes; a segunda foi a aula prática sobre avaliação do pé diabético, realizada pelos profissionais que aderiram, no Cemar Siqueira Campos.“Concluímos este ciclo de capacitações com o matriciamento, que é um dos momentos mais importantes, onde são discutidos com os profissionais, dentro da unidade de saúde, casos clínicos de difícil manejo”, explicou a coordenadora do programa, Patrícia Ribeiro Rocha.

Para esta terceira etapa, a SMS vai levar especialistas (endocrinologista e cardiologista) até as unidades para discutir com os médicos, enfermeiros, farmacêuticos e demais profissionais que tenham interesse.“Para nós, essa ação se torna um processo de regulação in loco. Nossos protocolos já estão em fase de validação e este instrumento subsidiará significativamente o manejo clínico, o que resultará em diminuição dos encaminhamentos desnecessários para a rede de atenção especializada”, enfatizou Patrícia.

Para o enfermeiro José Magno Alves, esta foi uma ação muito importante por parte da gestão. “É realmente necessário refletir o processo de cuidado, pois somos nós da ponta que recebemos os casos, sejam eles simples ou mais complicados, e precisamos ter segurança para fazermos os encaminhamentos”, pontuou.

Participaram do encontro médicos, enfermeiros, farmacêuticas e fonoaudiólogas residentes, agentes de saúde, profissionais do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (Nasf) e as técnicas do Programa de Saúde do Adulto e do Idoso, Ângela Maria Santos, Carla Raquel Oliveira e a Sílvia Regina Freire.