Prefeitura Municipal de Aracaju/SE
Agência Aracaju de Notícias

Marinete do Forró enriquece turismo em Aracaju na alta estação

07/12/18 09h10

São quase 10km entre a Orla da Atalaia e o Centro de Aracaju. Nesse trajeto, é possível conhecer alguns dos pontos turísticos mais fortes da cidade e aprender um pouco da história de uma das dez capitais mais jovens do país, mas que é carregada de simbologias e representatividade em cada canto que se possa olhar. Junto a esse tour, que tal misturar a música e a dança mais tradicionais da região? Esse combo turístico é muito acessível, pode ser sentido sob quatro rodas e atende pelo nome de Marinete do Forró.  

O ônibus ornamentado com motivos juninos, e que conta com um trio pé-de-serra e um casal de dançarinos, começou a circular no ano de 2001 e, até o ano passado, só era visto pela cidade no período de São João. Entretanto, desde o início de 2018, a Prefeitura de Aracaju, através da Secretaria Municipal da Indústria, Comércio e Turismo (Semict), em parceria com a Viação Progresso  e apoio do Sindicado dos Guias de Turismo de Sergipe (Singtur/Se), decidiu fazer com que a Marinete passasse a rodar durante todo o ano, às sextas-feiras. Com isso, hoje, todo turista ou aracajuano que deseje desfrutar da cidade de uma maneira diferente e divertida, pode embarcar nessa que já se tornou um ícone turístico da capital sergipana. 

Com a alta estação, a procura pelo ônibus aumenta consideravelmente. A partir das 14h30 de cada sexta-feira, os interessados no passeio partem do Oceanário de Aracaju, na Orla, passam pelo Calçadão da 13 de Julho, e seguem para a Praia Formosa,  com parada de 15 minutos. O tour continua na Ponte do Imperador, Centro Histórico, Mercados Centrais, com parada de 30 minutos, Catedral Metropolitana, Centro de Turismo e Largo da Gente Sergipana, com uma hora e vinte minutos de visitação. O passeio termina por volta das 18h, de volta à Orla da Atalaia. O percurso total é de quatro horas e cada passeio tem espaço para as primeiras 40 pessoas que chegarem ao local de partida. 

Neste fim de ano, o trajeto vai contar com uma vista especial. “Com o Natal Iluminado, nós vamos finalizar na praça Fausto Cardoso para só depois voltar à Orla. O roteiro continua o mesmo, mas, passaremos por lá para que os turistas possam ver como a nossa cidade foi preparada pela Prefeitura e pelos parceiros para que ficasse ainda mais bela para contemplar de forma ainda mais bela o período natalino. É um roteiro muito rico, onde aracajuanos e turistas podem ver o muito que damos valor às nossas raízes e tradicionais. Isso é muito forte para quem é daqui e os turistas sentem isso, tanto é que, a maioria deles volta justamente por sentir a valorização que damos ao que é da nossa terra. Por ser totalmente gratuito, vale ainda mais a pena”, considerou a diretora de Turismo da Semict, Luciana Kariny dos Anjos.
 
Além de uma equipe da Prefeitura a postos para dar suporte, um guia turístico passa todos os detalhes dos locais por onde a Marinete circula. Até quem já conhece a história de Aracaju de cor e salteado, se encanta com a nossa forma de olhar a cidade. Como Ana Cristina Nunes, que acabou de entrar no trade turístico como guia. “Mesmo conhecendo bastante Aracaju, quis aproveitar a oportunidade para ver de perto como funciona a Marinete do Forró. Ações como essa enriquecem ainda mais o nosso turismo e atraia mais pessoas. É, com certeza, um atrativo perfeito”, afirmou. 

A turista de Penedo, no estado de Alagoas, Loania Cardoso, chegou a morar durante dois anos em Aracaju, mas, através da Marinete do Forró, teve um olhar diferente da cidade. “As pessoas ficam bem próximas e ainda podem aproveitar o passeio com forró, tão tradicional no Nordeste. A gente acaba vendo a cidade por outra ótima, tudo parece ainda mais bonito. Assim que voltar para Penedo, vou indicar para outras pessoas. É passeio necessário”, considerou. 

Vinda da cidade de Itapecerica da Serra, em São Paulo, Bárbara do Nascimento tem um irmão que mora em Aracaju e decidiu tirar uns dias para fazer uma visita. Nesse tempo, soube da Marinete e resolveu aproveitar o passeio. “Não imaginei que fosse tão animado. Aracaju é uma cidade muito agradável, que dar prazer em transitar. Aí, quando podemos fazer isso num ônibus animado, tudo fica ainda melhor. A gente termina o passeio com outra energia. Quando tenho a oportunidade de ver os atrativos da cidade, dá até vontade de morar aqui”, ressaltou. 

Com os olhos esticados bem vívidos para cada detalhe do passeio, a família de Laura Murakami, vinda de Brasília, foi se encantando a cada metro percorrido pela Marinete. Mesmo sem serem muito familiarizados com o ritmo forrozeiro, a batida da zabumba deu um brilho especial para a trilha sonora do passeio. “É a nossa primeira vez em Aracaju e sempre ouvimos falar muito bem da cidade e das suas belezas. Não tínhamos conhecimento da Marinete e foi uma grata surpresa poder conhecer um pouco da cidade através dela. Recomendo”, frisou a turista.