Prefeitura Municipal de Aracaju/SE
Obras e Urbanização

No Marivan, projeto de esgotamento sanitário e drenagem das ruas está 90% concluído

12/09/19 12h00

Executada pela Prefeitura de Aracaju, por intermédio da Empresa Municipal de Obras e Urbanização (Emurb), a obra de infraestrutura do loteamento Marivan, no bairro Santa Maria, chegou , nesta semana, à fase de conclusão, com a implantação do esgotamento sanitário das últimas cinco ruas, de um total de 53 contempladas no projeto urbanístico da localidade.

A partir de um investimento de R$12 milhões, em recursos conveniados entre o Município e o Governo Federal, as ruas do Marivan passam a ter redes de drenagem pluvial e de esgoto, pavimentação, calçadas e ciclovias. Retomada em janeiro deste ano, a obra havia sido iniciada em 2012 na gestão anterior do prefeito Edvaldo Nogueira, porém não teve continuidade na administração que o sucedeu.

O aposentando Albertino Vieira dos Santos acompanha atentamente o andamento da obra. "Minha idade não permite ter muita expectativa de vida, mas se tinha uma coisa que eu desejava muito era ver minha rua bonita. Com fé em Deus e em nossos governantes quero estar vivo e com saúde para o dia desta inauguração e poder abraçar as pessoas que trabalharam para que isto fosse possível", diz.

E os anseio deste morador está muito próximo de se concretizar, porque a parte mais complexa da obra já foi realizada. Tanto a implantação da rede de esgoto, quanto a de drenagem já estão com mais de 90% do projeto executivo concluído.

Um importante aspecto desta obra será a construção de quatro estações elevatórias que absorverá o material da rede e o encaminhará à estação de tratamento localizada no município de Nossa Senhora do Socorro.

Segundo o secretário municipal da Infraestrutura, Sérgio Ferrari, embora algumas pessoas cobrem mais celeridade na obra, não se pode executar a parte estruturante de qualquer maneira e depois de algum tempo voltar os problemas. "É compreensível que muitos moradores desejem que a obra seja finalizada o quanto antes, mas não podemos atropelar as etapas, por puro proselitismo, e criar uma cortina de fumaça para concluir a obra. O que podemos garantir é que temos trabalhado com a devida responsabilidade e a partir da expressa determinação do prefeito Edvaldo Nogueira priorizamos um pouco mais o ritmo neste segundo semestre", garante o secretário municipal da Infraestrutura, Sérgio Ferrari.

O secretário enfatiza que, após a conclusão da implantação das células de concreto e manilhas no subsolo, a obra ganhará terá ainda mais celeridade. "Depois de completar toda a rede de esgoto, que é justamente na rua Anchieta onde estamos trabalhando, vamos partir para as complementações da drenagem e, na próxima semana, começaremos a terraplenagem de todas as ruas para em seguida jogar o asfalto para compor um novo pavimento", detalha Ferrari.