Prefeitura Municipal de Aracaju/SE
Obras e Urbanização

Prefeitura continua atuando para minimizar efeitos da alta de maré na capital

11/03/2020 16h30

Nos últimos dias, diversos órgãos da Prefeitura de Aracaju estão intensificando um conjunto de ações no sistema de microdrenagem e em canais que cortam os bairros Salgado Filho e 13 de Julho, para minimizar os efeitos da maré alta, que está interferindo na vazão, no fluxo e desague das águas servidas das residências desta região e também derivadas dos fenômenos pluviais.
 
O trabalho envolve as empresas municipais de Obras e Urbanização (Emurb) e de Serviços Urbanos (Emsurb), com a participação da Secretaria Municipal da Defesa Social e Cidadania (Semdec), que estão executando ações integradas de monitoramento, limpeza dos bueiros e manutenção dos pontos de desague das redes de micro e macrodrenagens.

A Emurb, por exemplo, elaborou um minucioso mapeamento das ruas mais atingidas pelas alagamentos e passou a manter equipes diariamente nestes pontos retirando o material arenoso trazido pelas águas de maré e limpando as galerias.

Além da Praça da Imprensa e das avenidas Acrísio Cruz e Anísio Azevezo, outras ruas dos bairros São José ,Salgado Filho, 13 de Julho e Jardins recebem a intensificação dos serviços de manutenção, a exemplo da Flávio Menezes Prado, Fenelon Santos, Homero Oliveira, Álvaro Brito, Jornalista Santos Santana, Joventina Alves, Urquiza Leal, Ananias Azevedo, Cedro, Alcides Leite e avenida Francisco Porto.

Durante os trabalhos, além do material recolhido da parte interna da drenagem outro fator natural também influencia o surgimento de alagamentos neste período, como explica o diretor de operações da Emurb, Alberto Nascimento.

"Como estes bairros estão localizados em área ou no mesmo nível ou até abaixo do mar, a pressão exercida pelas águas impede que o material da drenagem prossiga no curso se avolumando e chegando à superfície das ruas e isto vem ocorrendo nestes últimos dias", explica o engenheiro.

Para o engenheiro Rodolfo Teixeira, responsável pelo trabalho exercido na drenagem da capital, além de todo os serviços feitos nos pontos mais diretamente atingidos pela força das marés outras partes da cidade não ficaram desguarnecidas e equipes mantiveram a rotina de atuar no sistema pluvial.

"Mesmo com o trabalho feito em parceria entre Emurb, Emsurb e Defesa Civil, especificamente nos locais mais alagados pelas marés, mobilizamos outros profissionais para outras localidades, a exemplo do conjunto JK - bairro Jabotiana - Bugio, Bairro Industrial, entre outros", detalha Rodolfo, enfatizando que as escolhas por estes locais são embasados por estudos detalhes técnicos.

"Todos os esforços e medidas de precauções e resolutivas estão sendo tomadas mas quando os fenômenos naturais surgem com intensidade o trabalho humano comprometido. Em uma cidade baixa como Aracaju é muito complicado encarar marés com 2,1 ou até 2,44 metros de altura. Mas ainda assim estamos a postos", volta a ressaltar.

Solicitação
A empresa municipal possui canais de comunicação para que a população possa solicitar serviços. Para registrar uma solicitação, basta entrar em contato com a Assessoria de Comunicação da empresa, por meio do telefone (79) 3179-1619, pelo endereço eletrônico comunica.emurb@aracaju.se.gov.br, e pelos perfis da Emurb no Titter (@emurb) e no Facebook (www.facebook.com/Emurb)