Prefeitura Municipal de Aracaju/SE
Controladoria Geral do Município

Prefeitura de Aracaju investe em curso para ampliar transparência

27/09/18 13h08

A Controladoria-Geral da União, com apoio da Prefeitura de Aracaju, realiza o curso Práticas de Atendimento ao Cidadão em Ouvidoria para os profissionais das ouvidorias do município e servidores que atuam em várias áreas do serviço público na capital. O objetivo da administração municipal é manter o constante aperfeiçoamento para a qualidade no atendimento aos usuários de Aracaju. Sem custos para o município, a Ouvidoria Geral da União trouxe dois servidores federais para a aplicação do conteúdo, Jorge Fontelles e Rogério Goulart Barboza, ambos auditores federais de Finanças e Controle.

 "Nesse curso estão sendo abordados diversos aspectos dos serviços de ouvidoria e dos mecanismos que podem ser usados para mensurar eficiência e transparência das ações disponibilizadas pela administração pública e o impacto direto do rápido atendimento das demandas da população para a resolução de problemas e conflitos", destaca a secretária-chefe da Controladoria-Geral do Município (CGM), Sheila Feitosa.

Informação reforçada pelos auditores federais da CGU, Jorge Fontelles e Rogério Goulart Barboza, que garantem que o curso provocará um impacto na vida dos servidores uma vez que o principal papel da capacitação é fornecer técnicas de resolução pacífica de conflitos.

Com início na terça-feira, 25, o curso, que termina nesta quinta-feira, 27, é realizado no auditório da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito de Aracaju (SMTT) e teve a participação de ouvidores de Aracaju, Bahia, Belo Horizonte, Rio Grande do Sul, Alagoas, Pernambuco e do interior de Sergipe.

Para a ouvidora da Educação de Aracaju, Luzinete Gama, o curso agrega uma série de elementos que ajudam a aperfeiçoar o trabalho. "A capacitação é muito enriquecedora. Já temos o entendimento e atuado no sentido de dar respostas rápidas e efetivas para as reclamações e questionamentos que chegam ao poder público por meio dos nossos canais de relacionamento da Ouvidoria e, agora, com essas dicas dadas aqui, só vai melhorar nosso trabalho. Estou com muitas ideias para colocar em prática", disse Luzinete Gama.

Opinião compartilhada pela ouvidora da Procuradoria-Geral do Município (PGM), Geilsa Alves Almeida. Mais: para ela, o curso dá conhecimento para compreender porque fazer aquele serviço, além de habilidade na negociação, comunicação com usuários, negociação e uso de ferramentas de trabalho; atitude, reflexão e mudança em si mesmo e em suas práticas de trabalho no dia a dia; e competências profissionais que são desejáveis para uma Ouvidoria.

O Curso

Práticas de Atendimento ao Cidadão é um dos cursos promovidos pela CGU, com o objetivo de oferecer conhecimentos específicos de ouvidoria e possibilitar a contínua melhoria dos serviços públicos prestados em todo o país.

São 20 horas de capacitação, divididas em quatro módulos, que tratam do papel da ouvidoria no contexto democrático, elementos para implantação de uma unidade de ouvidoria, o fluxo de atendimento nas ouvidorias públicas.

Mais cursos

A Política de Formação Continuada em Ouvidorias (Profoco), coordenada pela Ouvidoria-Geral da União, oferece 40 capacitações em todos os Estados e no Distrito Federal com quatro tipos de curso: Defesa do Usuário e Desburocratização; Tratamento de Denúncias em Ouvidoria; Acesso à Informação; e Práticas de Atendimento ao Cidadão em Ouvidoria.

Para conferir o calendário das capacitações, basta acessar www.ouvidorias.gov.br

Profoco

A Profoco, criada em 2012 pela CGU, desenvolve atividades de capacitação e formação em ouvidoria, fundamentada em um processo de qualificação contínua. São atividades como cursos, palestras e outros eventos, podendo ser de forma presencial ou a distância. No ano passado, foram oferecidas 40 turmas presenciais e capacitados mais de 1,4 mil agentes públicos em todo o país.