Prefeitura Municipal de Aracaju/SE
Indústria, Comércio e Turismo

Prefeitura e Iphan alinham patrimônio cultural ao turismo como atrativo para quem visita a cidade

26/02/19 15h34

Durante a realização da 3ª Assembleia Ordinária do Conselho Municipal do Turismo (Comtur), ocorrida no dia 14 deste mês, a Prefeitura de Aracaju, através do secretário municipal da Indústria, Comércio e Turismo (Semict), Ricardo Mascarello, e a superintendente do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional em Sergipe (Iphan), Katarina Aragão Ponciano, agendaram encontro para amadurecer parcerias e, na manhã desta terça-feira, 26, os dois gestores se encontraram com o objetivo de alinhar ações de inserção do patrimônio cultural da cidade como atrativo no âmbito do turismo e a sua preservação.

Durante o encontro, foram tratados assuntos “dentro da diversidade cultural e dos bens patrimoniais materiais e imateriais” do estado e do município, com “permeabilidade” no conceito de turismo de experiência. “A superintendente Katarina destacou importantes manifestações culturais de que dispomos e que servem como vitrine de patrimônio cultural do nosso povo para mostrar ao turista que nos visita, como por exemplo, a confecção da renda irlandesa na capital e o projeto Filhos da Maré, que confecciona mini embarcações através de oficinas com crianças”, pontuou Ricardo Mascarello.

Alguns pontos levantados ganharam importância pela relevância, como a necessidade e estratégia na Ocupação do Centro Histórico, uma das metas do Planejamento Estratégico da gestão: a ênfase na qualificação da paisagem cultural; a conservação dos bens históricos da cidade e a dinâmica de ocupação espacial no centro.

Para Ricardo, a aliança entre patrimônio histórico e turismo é um forte ingrediente para o fomento do turismo de experiência na capital, a partir da “expressão das manifestações culturais locais e do conjunto do patrimônio material e imaterial da cidade, e seu belo conjunto arquitetônico espalhado pelo Centro Histórico”.
  
Outro assunto tratado foi a promoção de cursos de aperfeiçoamento para ambulantes na comercialização de produtos da gastronomia local como o queijo na brasa, o amendoim cozido e a moqueca de aratu, "capacitações que já estão sendo realizadas pelo Departamento de Turismo da Semict”, enfatizou o secretário. 

A superintendente Katarina Aragão enalteceu a importância da visita e da pauta levada pelo secretário Ricardo Mascarello, “na somação de esforços para potencializar duas áreas que se complementam: cultura e turismo”. “Muito oportuna essa visita da gestão municipal de Aracaju para que possamos articular estudos e ações na perspectiva de parcerias para alinhar patrimônio, cultura e turismo”, pontuou.

Finalizando, o secretário propôs um novo encontro na sede da Semict, desta vez com os técnicos do Departamento de Turismo da secretaria, a fim de aprofundar os entendimentos entre os dois órgãos. “Hoje foi um encontro inaugural para iniciar o processo de diálogo com o Iphan. Temos muito a conversar e esse é o caminho: dialogar e articular entendimentos com todos os atores do turismo e que juntos busquemos novas possibilidades para o fortalecimento do setor”, concluiu.