Prefeitura Municipal de Aracaju/SE
Agência Aracaju de Notícias

Edvaldo autoriza abertura do Mercado Milton Santos nas noites de quarta

20/03/19 20h56

A partir desta quarta-feira, 20, o Mercado Municipal Milton Santos, localizado no Augusto Franco, zona Sul, funciona até às 22h, neste dia da semana. O primeiro dia de atividades noturnas foi acompanhado pelo prefeito Edvaldo Nogueira, que visitou o espaço e conversou com os permissionários. O objetivo é, além de potencializar as vendas do local, proporcionar mais comodidade aos moradores da região, que passam a contar com os serviços ofertados dentro do mercado, em horário estendido.

Também se torna mais uma opção de compra, uma vez que a feira livre do bairro ocorre no mesmo dia. "O mercado do Augusto Franco é extraordinário. Por isso, a ideia de abri-lo à noite é atrair pessoas para fazer compras, suas feiras, dando vida a esse lugar, principalmente na quarta-feira, que é um dia que tem feira livre no bairro. Estamos dando esse primeiro passo, importante, e acredito que possa ser crucial para tornar o espaço, no futuro, um local fortalecido, funcionando, inclusive, todos os dias à noite", destacou o prefeito Edvaldo Nogueira.

Edvaldo enfatizou, ainda, sua satisfação por ser sido o gestor que projetou e executou a reforma do local. "Tive a alegria de ter deixado o mercado praticamente pronto. Meu antecessor só fez inaugurar. É um lugar maravilhoso, organizado, higienizado, arejado e que considero o melhor mercado de Aracaju para se fazer a feira. Claro que tem a concorrência, mas a partir das discussões, melhorias, os clientes vão passar a fazer suas feiras neste local", salientou.

De acordo com o presidente da Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb), Luiz Roberto Dantas, a escolha pelo dia da semana para o funcionamento em horário estendido foi feita em conformidade com os permissionários. "Foi um diálogo com os próprios feirantes, numa tentativa de potencializar o mercado, dar uma oportunidade de aumentar tanto as vendas como a presença de público, que passa a contar com outro local para adquirir seus produtos. Estamos começando agora e esperamos que, gradativamente, as pessoas comecem a migrar. Vamos dar continuidade até que a gente defina sobre a ampliação para mais dois mercados, o Roberto Silveira, no bairro América, e o Miguel Arrais, no Bugio", explicou o presidente da Emsurb.

Aposta

O feirante Sérgio Santos aprendeu desde cedo a trabalhar no mercado. Apaixonado pela profissão, hoje ele conduz com muito empenho o local que herdou do pai. E por conhecer tão bem o Mercado Milton Santos, ele aposta no aumento das vendas com a abertura, à noite. "Segui os passos do meu pai e senti falta de vender à noite. É uma medida necessária e creio que vá melhorar as vendas. Estou confiante que vai dar certo", avaliou.

O funcionário público Luis Carlos Santana é morador do conjunto Augusto Franco e também aprovou a iniciativa. "A gente trabalha o dia todo e acaba não sobrando tempo para as compras. Essa é uma excelente oportunidade. No caminho para casa, vou poder parar aqui, no estacionamento e, com calma, comprar tudo o que precisar", afirmou.

Opinião que é compartilhada pela dona de casa, Maria José Carvalho, que reside no bairro Aruana.  Para ela foi uma "surpresa" encontrar o mercado em funcionamento. "Estava passando e vi o mercado aberto. Adorei a ideia. Ambiente organizado, limpo, ventilado, ideal para as compras", declarou.

O mercado

O mercado é composto por seis pavilhões, distribuídos pelos setores de verduras, frutas, aves, laticínios, carnes, pescados, mariscos e agricultura familiar. Além disso, dentro dos seus 11 mil metros quadrados, possuem bares, palco, bloco administrativo, banheiros masculino e feminino, auditório e amplo estacionamento. Atualmente, 206 permissionários comercializam no mercado. Diariamente, 12 funcionários realizam a limpeza do espaço, e, uma vez ao mês, ocorre dedetização e desratização;

Acompanharam a visita os vereadores Gonzaga, Camilo Feitosa, Thiaguinho Batalha e secretários municipais.