Prefeitura Municipal de Aracaju/SE
Saúde

Bairro Dom Luciano recebe o sétimo mutirão de combate ao Aedes aegypti

17/08/19 13h19

Em continuidade à execução do Plano de Intensificação das Ações de Combate ao Aedes aegypti, lançado pela Prefeitura de Aracaju, as secretarias e órgãos da gestão municipal realizaram neste sábado, 17, no bairro Dom Luciano, o sétimo mutirão de combate ao mosquito transmissor da dengue, chikungunya e zika.

O último Levantamento Rápido de Índices de Infestação pelo Aedes aegypti (LIRAa), realizado pela Secretaria Municipal da Saúde (SMS), classificou o Dom Luciano como alto risco, por registrar índice de 4,1.

“O bairro Dom Luciano é a sétima comunidade contemplada com este mutirão de ações, que, embora já realizadas preventivamente, ao longo de todo o ano, são reforçadas nesta ampla mobilização. Aqui continuamos atuando de casa em casa, mas também conversando com cada morador para que a população faça sua parte”, reforçou a secretária municipal da Saúde, Waneska Barboza.

Já receberam os mutirões do Plano de Intensificação, realizados sempre aos sábados, os bairros Japãozinho (zona norte de Aracaju), Santa Maria (zona de expansão), Olaria e José Conrado de Araújo (ambos localizados na zona oeste da capital) e os bairros Santo Antônio e Industrial (zona norte da cidade). Ao todo, cerca de 130 profissionais têm atuado nessas mobilizações, entre agentes de limpeza e agentes de combate às endemias.

“Dos 43 bairros de Aracaju, seis [Olaria, José Conrado de Araújo, Industrial, Santo Antônio, Dom Luciano, Pereira Lobo] apresentaram o índice predial acima de 4, considerado de alto risco. Destes bairros, atuamos em cinco, restando apenas o bairro Pereira Lobo, que já está programado para receber nossas equipes na semana que vem, dia 24”, afirmou Waneska.

Reconhecimento

O vereador Dr Gonzaga de Santana presenciou a visita das equipes durante o mutirão e elogiou a atuação da prefeitura. “Acompanhei a secretária da saúde, juntamente com o pessoal que trabalha na secretaria, pois é importante ver esse trabalho de perto, a atuação de combate à dengue, que tanto tem ameaçado a saúde das pessoas da nossa cidade. Waneska está de parabéns, pois a gente vê que ela não para de trabalhar nessa questão, seja de manhã, à tarde ou à noite”, reconheceu o parlamentar.

O carpinteiro aposentado Erivaldo Silva de Oliveira também reconhece esse trabalho e diz que não há desculpas para não atuar nesse combate. “A gente tem visto direto na TV como devemos agir para evitar a dengue. Então não tem como dizer que a gente não sabe o que fazer. A Prefeitura está trabalhando, mas o povo precisa saber que cada um tem que fazer sua parte”, opinou.