WEBMAIL

LINKS

ACESSO RÁPIDO

MENU

Biblioteca Municipal recebe grupo Samba de Coco

24/08/2011 - 09h57
clique para ampliarO grupo Samba de Coco (Fotos: Ascom/Funcaju)
clique para ampliarA contação de histórias surpreendeu os estudantes
clique para ampliarMaria José Lima, diretora da Biblioteca Municipal Ivone de Menezes
clique para ampliarSeu Diô e Silvaneide Almeida

Continuando as comemorações alusivas ao Dia do Folclore, celebrado oficialmente no último dia 22, a Biblioteca Municipal Ivone de Menezes recebeu, na tarde desta terça, 23, a apresentação do grupo Samba de Coco, do povoado do Mosqueiro. Além disso, estudantes do Colégio Estadual Francisco Portugal e da escola Francisco Santos também puderam usufruir das lendas folclóricas narradas pela contadora de histórias Naide Joaquina.

A diretora da biblioteca, Maria José Lima, se entusiasmou ao levar uma mostra do folclore sergipano para os pequenos estudantes. "Nós entendemos que a Biblioteca procura trabalhar os vários pontos da informação. Como o samba de coco é uma manifestação folclórica da nossa região e uma fonte de conhecimento, ele também está interligado com a literatura", disse a diretora.

O grupo Samba de Coco surgiu no povoado Mosqueiro e existe há quase um século, sendo fruto de tradição da família de Rusaldo da Conceição, conhecido popularmente como Seu Diô. As atividades do grupo se intensificaram somente há sete anos, quando o pai do Seu Diô adoeceu e os filhos passaram a levar os costumes culturais adiante. "Espero que, com essas apresentações recentes, a atual geração também valorize e preserve a nossa cultura, passando-a para frente", disse o Seu Diô.

Silvaneide Almeida, funcionária do posto de saúde Niceu Dantas que auxilia o grupo em suas apresentações, explica como acontecem as apresentações. "Os participantes não costumam dançar caracterizados, pois o objetivo é que o público preste atenção na dança, na música e no sapateado. Também percebemos que o público se sente mais a vontade para se juntar aos membros da dança quando eles não estão fantasiados", disse.

Samba de Coco

A apresentação, que aconteceu ontem na Biblioteca Ivone de Menezes, é uma dança de origem africana que está ligada diretamente à formação dos quilombos, tendo também uma forte influência indígena. A marcação do ritmo caracteriza-se por sem bem firme e é feita através de sapateados e das palmas. Os escravos, quando fugiam das senzalas e se refugiavam nos quilombos, cantavam ao praticar o ritual da quebra de coco (retirando a ‘coconha', ou amêndoa, para preparar os alimentos da comunidade).

No samba de coco, o ‘tirador de coco' puxa os versos, que são respondidos em coro pelos outros participantes. Os versos caracterizam-se pela informalidade, podendo seguir as mais variadas formas. O canto é marcado pelos instrumentos de percussão (tal como o pandeiro, a zabumba e os chocalhos). Ao dançarem, os participantes pisam forte no chão e desenvolvem seus passos.

Programação

A Biblioteca Municipal Ivone de Menezes é uma das unidades da Fundação Municipal de Cultura e Turismo (Funcaju). A instituição está desenvolvendo uma série de atividades de cunho cultural em homenagem ao mês do folclore. Para mais informações sobre a programação da biblioteca, o telefone de contato é (79) 3179 - 6410.



Twittar Curtir
TAMANHO DA FONTE A+ A-
Prefeitura Municipal de Aracaju
Centro Administrativo Prefeito Aloísio Campos Rua Frei Luís Canelo de Noronha, 42 - Conj. Costa e Silva - CEP 49097-270
Aracaju, Sergipe - Brasil - Fone: (79) 3218-7800

Swapi Agência Digital