Prefeitura Municipal de Aracaju/SE
Educação

Semed realiza avaliação nutricional na Emef Arthur Bispo do Rosário

15/05/18 17h27

A Secretaria Municipal da Educação (Semed) não tem medido esforços para garantir a qualidade na aprendizagem. Considerando a boa alimentação como um dos fortes pilares dessa base, a equipe da Coordenadoria de Alimentação Escolar (Coae/Semed) vem desenvolvendo importantes ações e projetos para garantir a saúde das crianças.

Nesta terça-feira, 15, a Coae realizou avaliação nutricional nos estudantes da Escola Municipal de Ensino Fundamental (Emef) Arthur Bispo do Rosário, localizada no bairro São Conrado. A equipe promoveu a pesagem e medição de estatura dos alunos, para que, segundo a nutricionista da Coae, Vanessa Almeida, possa ser feito um diagnóstico nutricional.

De acordo com Vanessa, a avaliação estuda a curva de crescimento de cada criança, analisando peso por altura, altura por idade, peso por idade e IMC por idade. “Após essa avaliação, se na criança for detectado algum parâmetro que não seja normal, como sobrepeso, obesidade e desnutrição, encaminhamos para a equipe do Programa Saúde na Escola, de onde a criança é direcionada para um exame mais completo em alguma Unidade Básica de Saúde”, conta.

A coordenadora pedagógica da Emef, Maria Marta Lino, pontua que a equipe da Coae está sempre acompanhando as crianças da Emei Arthur Bispo, tanto na qualidade da merenda escolar como na alimentação de cada aluno. “Essa atenção é fundamental para nos auxiliar no cuidado com a nutrição do aluno na rotina da escola. Por exemplo, orientamos os pais a não mandarem alimentos industrializados para o lanche na escola, a merenda é sempre balanceada e bem nutritiva, portanto, a melhor opção”, relata.

Ela ressalta, também, que através dessa orientação à nutrição por parte da Semed, alguns alunos da Emef conseguiram diminuir ou ganhar o peso que precisavam. “Com a ajuda da Coae nós conversamos com os pais e ajudamos a mudar a alimentação da criança. Aluno que não gostava de comer verdura hoje prefere a sopinha a alguns tipos de lanche. Temos crianças que são carentes e têm na nossa merenda sua fonte de nutrição. Então a sopa, o risoto, o feijão com arroz servidos aqui, faz muita diferença”, expressa.