Prefeitura Municipal de Aracaju/SE
Agência Aracaju de Notícias

Edvaldo firma Compromisso de Gestão com diretores de escolas e entrega mais 13 kits digitais

30/07/2019 12h42

A Prefeitura de Aracaju deu início a uma nova era na gestão das escolas públicas municipais ao firmar, na manhã desta terça-feira, 30, pela primeira vez, um Compromisso de Gestão com os diretores das unidades de ensino. Formalizado pelo prefeito Edvaldo Nogueira, em solenidade com todas as equipes diretivas, o instrumento tem a finalidade de elevar o nível de desempenho educacional da rede, ao passo que garante a qualidade na aprendizagem dos estudantes. No evento também foram entregues mais 13 maletas com equipamentos tecnológicos do projeto Aula Digital.

“Sempre me emociono nos eventos da educação porque sou fruto dela. Só cheguei aonde cheguei porque tive a oportunidade de estudar. E a esperança desses meninos e meninas está na educação, nos caminhos que abrimos para eles. Somente com a educação é possível ir longe, garantir um futuro melhor. Por isso, esse momento se resume a três palavras: emoção, esperança e participação. Emoção que sentimos ao dar passos tão significativos, esperança por dias melhores, por um país melhor, de gerações melhores e mais preparadas, e participação, porque sem ela não chegamos a lugar nenhum”, destacou o prefeito Edvaldo Nogueira.

O gestor municipal reforçou que o Compromisso de Gestão é um instrumento da Gestão Democrática, instituída por ele, novamente, na atual administração, e enfatizou que, com ele, será possível, não apenas alinhar a política educacional, como também melhorar a performance das unidades da rede municipal, aprimorando a qualidade do ensino. “É um momento ímpar, de demonstração da força da participação. Com a volta da Gestão Democrática, possibilitamos que os diretores das escolas fossem escolhidos pela própria comunidade, agora, damos um nosso passo para a melhora da qualidade do ensino ofertado. É uma via de mão dupla e quem ganha são os meninos e meninas da rede que terão melhorias e poderão sonhar com futuros melhores. A educação é capaz de transformar as pessoas”, salientou.

Para a diretora da Escola de Ensino Fundamental (EMEF) Elias Montalvão, Caroline Teixeira, a formalização do Compromisso de Gestão representa “um lindo voo que a rede municipal está alcançando”. “Hoje, as escolas do município são como pássaros em pleno voo, com encorajamento para voar com a volta da Gestão Democrática. Construímos no chão da escola os debates críticos para as eleições e isso exigiu um trabalho coletivo para realização do bem comum. Com a gestão compartilhada, participativa, é possível contribuir para as mudanças nas escolas. Sentimos a escola pulsar novamente e com a assinatura do termo poderemos contribuir, ainda mais, para formação de cidadãos. É uma grande iniciativa , digna de um líder como o prefeito Edvaldo, que sabe reconhecer a importância do nosso papel, dentro das comunidades”, reconheceu.

Compromisso de Gestão

Previsto nos artigos 45 e 49 da Lei Complementar n.º 166/2018, o compromisso estabelece três metas a serem alcançadas pelas escolas do município: de qualidade,  que mede o nível de desempenho  pretendido; de gestão, que avalia a eficiência e eficácia das ações desenvolvidas; e estratégicas, que apresentam a identidade da escola.

Dessa forma, as unidades de ensino deverão, entre outras atribuições, atingir as metas definidas no Quadro de Indicadores do Compromisso de Gestão; fomentar a utilização fiel e racional dos recursos disponíveis para cumprimento das metas e alcance dos resultados; atender, na execução das propostas e rotinas pedagógicas, às Diretrizes e Metas acordadas; produzir e disponibilizar as informações necessárias para subsidiar o acompanhamento, monitoramento de indicadores e avaliação dos objetivos educacionais; além de atender às requisições emanadas da Secretaria da Educação.

Também será necessário prestar as informações complementares requeridas pela Comissão Intersetorial de Avaliação do Compromisso de Gestão (CIACG) e pela Secretaria Municipal da Educação; e preparar, periodicamente, relatórios de execução das metas estabelecidas e encaminhá-los para a secretaria. “Cada escola que conseguir atingir mais pontos estabelecidos passa a receber um volume de recursos maior do Fundo da Educação. É um projeto que vai, sem sombra de dúvidas, alavancar a educação de Aracaju, Vejo uma chama diferente na educação. Estamos dando passos para nos conectarmos com o futuro e vencermos os desafios”, completou o prefeito Edvaldo Nogueira.

Aula Digital

A solenidade também foi marcada pela entrega de equipamentos tecnológicos do projeto Aula Digital. Iniciada em 2017, quando houve a assinatura do termo de adesão do município ao programa, a ação que chega a sua segunda fase contempla mais 13 escolas da rede municipal com notebook, roteador para intranet, mini projetor, tela de projeção e 34 tablets. O objetivo do projeto, que é desenvolvido em parceria com a Fundação Telefônica Vivo, Fundação La Caixa e Governo do Estado é garantir acesso a uma educação mais inovadora, dinâmica e inspiradora aos estudantes.

“Não é só uma maleta, é um processo todo de qualificação e preparação do professor, então esse kit é entregue quando a escola passa por todo o processo de formação. Já entregamos 14 maletas digitais, a 14 escolas, e hoje estamos entregando mais 13. São maletas contendo tablets, notebooks e com conteúdos escolares, do nosso currículo, para que as aulas sejam mais dinâmicas e interativas. Neste sentido, a gente introduz a criança no mundo digital e torna as aulas atrativas, contribuindo para o melhor aprendizado. Na próxima semana a gente inicia a formação com o terceiro grupo de escolas e a meta é até 2020 alcançar todas as unidades de ensino”, explicou a secretária municipal da Educação. Maria Cecília Leite.

Para a etapa de formação e acompanhamento das escolas, a Fundação Telefônica Vivo conta com a parceria do Instituto Paramitas, que desenvolve ações para a melhoria da qualidade educativa e social. Antes e após a chegada da Maleta Digital as escolas, gestores e professores recebem formações e visitas de formadores para orientar os trabalhos. “A Prefeitura faz a sua parte, que é garantir a internet nas escolas. Cumprimos 100% da fibra ótica, estamos terminando o cabeamento para a gama de velocidade, internet de banda larga, e estamos garantindo a complementação desse kit, por exemplo, com a aquisição de fones para que a criança individualize seu aprendizado. Nesta parceria  com a Vivo Telefônica, o kit é doado pela empresa e a formação é executada pelo Instituto Paramintas”, ressaltou.

De acordo com o prefeito Edvaldo Nogueira, a Aula Digital é mais um passo para a construção da cidade inteligente. “Todo esse projeto faz parte da ideia de usarmos a tecnologia como uma maneira de inclusão, de resultados e de participação. Já implantamos a fibra ótica em todas as unidades de ensino da rede municipal, com internet de alta velocidade, implantamos a Matrícula Online e agora vamos avançar em outro projeto de, até ano que vem, cada aluno ter um cartão com todas as informações da sua vida escolar. Estamos fazendo tudo o que é possível para que nossos alunos cresçam e melhorem suas formações educacionais”, reforçou Edvaldo.

O diretor da Escola Oviêdo Teixeira, Mauro Cézar Santos, comemorou a iniciativa. “Representa um avanço tecnológico  muito grande essa parceria entre Prefeitura a Fundação  Telefônica. Com esses equipamentos na escola, o aluno tem a oportunidade ao aluno de aprender, até mesmo offline,  e o professor consegue, através desses equipamentos, dinamizar suas aulas com conteúdos já programados nos computadores e tablets. É a possibilidade de garantir ao aluno a continuidade das ações já desenvolvidas, mas com o uso da tecnologia, portanto, uma educação cada vez melhor, de qualidade”, frisou.

Estiveram presentes os vereadores Gonzaga, Fábio Meireles, Zezinho do Bugio, Bigode do Santa Maria, seu Marcos, Camilo Lula, Jason Neto, a vice-presidente do Conselho Municipal da Educação,Maria José Guimarães, além de secretários municipais, diretores, coordenadores e professores da rede municipal.