Prefeitura Municipal de Aracaju/SE
Agência Aracaju de Notícias

Edvaldo inaugura nova área da Escola João Paulo II e zera fila para creche no Santa Maria

09/09/19 12h08

O prefeito Edvaldo Nogueira inaugurou, na manhã desta segunda-feira, 9, o novo espaço  da Escola Municipal de Ensino Fundamental (Emef) Papa João Paulo II, localizado no loteamento Marivan, zona Sul. Fruto de um investimento superior a R$ 50 mil, o anexo foi instalado em um prédio alugado pela gestão municipal, para atendimento a 270 crianças, com idade entre dois a cinco anos, ampliando o acesso ao ensino infantil em uma das regiões mais populosas de Aracaju. Com a incorporação da área à escola, a Secretaria Municipal da Educação conseguiu suprir a demanda de matrículas, zerando a lista de espera para creche e pré-escola na comunidade.

“Para mim, é sempre uma grande alegria quando inauguramos uma escola, especialmente porque não tem nada mais importante na vida do cidadão do que a educação. Ela está diretamente ligada à nossa evolução. Tanto a escrita como a leitura possibilitaram que o homem avançasse, evoluísse. Educar é a atividade mais importante que uma gestão pode colocar em prática, por isso nossos esforços desde o dia em que retornamos à Prefeitura de Aracaju”, destacou Edvaldo Nogueira.

Em seu discurso, o prefeito enfatizou que, é justamente pela gestão municipal manter a Educação entre os projetos prioritários que a demanda reprimida para o ensino infantil em Aracaju foi identificada e, consequentemente, revertida. “Fizemos um levantamento e percebemos que ainda tinha um número grande de crianças em idade escolar fora das unidades de ensino. Começamos a trabalhar para reverter o quadro e esse anexo é um exemplo disto. Com ele, vamos não apenas contemplar esses meninos e meninas que estavam fora do ambiente escolar como também ampliar o acesso ao ensino de qualidade”, ressaltou.

Edvaldo frisou ainda que, ao investir na Educação, a Prefeitura avança no processo de construção de um futuro melhor para a cidade. “Não podemos deixar esses investimentos para amanhã, depois de amanhã, temos que fazê-lo hoje. É isso que estamos fazendo. Reformamos 23 escolas, construímos duas novas, temos cinco unidades em processo de reconstrução e a primeira escola de ensino integral do município sendo erguida no bairro Santa Maria. Esse é o compromisso que nós temos com a educação e que se repete aqui, hoje. Estamos abrindo escolas, levando os meninos para o ambiente escolar.  E todos esses investimentos nos dão a certeza de que estamos dando uma grande contribuição para o futuro”, reforçou.

A secretária da Educação de Aracaju, Maria Cecília Leite, definiu a inauguração do anexo Papa João Paulo II como, “mais uma vitória da gestão municipal”. Segundo ela, todos os esforços empreendidos pela atual administração para garantir a qualidade do ensino ofertado pela rede municipal já possibilitaram avanços significativos, como o aumento da oferta na educação infantil em 51% nos últimos dois anos e oito meses, comparado a 2016.

“Fizemos um estudo sério e minucioso. O desafio foi posto no Planejamento Estratégico e já conseguimos alcançar, neste ano, o que foi estabelecido para 2020. Aqui, as aulas se iniciam amanhã, dia 10 de setembro, com 270 alunos matriculados. Isso quer dizer que, com essa oferta, atendemos e zeramos toda a demanda reprimida no Santa Maria e 17 de Março em pré-escola. Não existe, no dia de hoje, nenhuma criança com três, quatro e cinco anos fora da escola nesta região. Estas crianças foram identificadas através de chamamento público, feito em dezembro. Neste processo, identificamos quantas ainda estavam fora da escola e as faixas etárias. Conseguimos fazer com que as faixas de pré-escola fossem atendidas. É uma vitória gigantesca”, comemorou.

Estrutura

O anexo da Emef João Paulo II possui 507, 27m² de área construída e 54, 04m² de área livre. Ao todo, são oito salas de aula, além de brinquedoteca, pátio para recreação, cozinha, quatro banheiros infantis e dois banheiros adultos. “Estamos com tudo organizado, preparado, para receber essas crianças que terão o direito à educação de qualidade preservado. Todos os professores estão lotados na escola, todo o material pedagógico já está preparado, então estamos com a escola pronta. É só começar”, afirmou a diretora da Emef, Silvana dos Santos Silva.

Moradora do bairro Marivan, a autônoma Taína do Nascimento Silva vê na inauguração do novo espaço da unidade de ensino “uma grande oportunidade” para seus filhos ingressarem na rede municipal. “Os mais velhos estudaram no Papa e eu tenho muito orgulho desta escola. Estou achando maravilhoso porque meus filhos pequenos, assim como outras crianças que estavam sem estudar por não ter vaga, terão acesso a um bom ensino, em um prédio bem organizado”, salientou.

Participaram da inauguração os vereadores Zé Valter e Bigode, o presidente da Associação de Moradores do Marivan, Evandro Santos, a presidente do Conselho Municipal da Educação, Maria José Guimarães, além de secretários municipais e da comunidade.