Prefeitura Municipal de Aracaju/SE
Agência Aracaju de Notícias

Prefeitura investe cerca de 5 milhões na revitalização das Unidades Básicas de Saúde

08/11/19 06h00

Para garantir um atendimento digno na rede de saúde do município e proporcionar melhores condições de trabalho para os servidores, a Prefeitura de Aracaju, por meio da Secretaria Municipal da Saúde (SMS),  está executando, desde o final de 2017, um extenso cronograma de obras, revitalizações, adequações e ampliações em 44 de suas 45 Unidades Básicas de Saúde (UBS).

A exceção é a UBS Dr. Roberto Paixão, inaugurada em abril deste ano. Até o momento, já são cerca de R$5 milhões investidos nestes projetos, que abrangem 25 unidades básicas, o Centro de Atenção Psicossocial Jael Patrício, o Centro de Especialidades Médicas de Aracaju (Cemar) Siqueira Campo e o Hospital Fernando Franco e a Unidade Pronto Atendimento Nestor Piva.

“A execução destas melhorias na infraestrutura dos prédios que compõem a rede de saúde municipal deriva de um contrato de manutenção, que conta com verbas da Prefeitura e de emendas parlamentares. O cronograma foi confeccionado estrategicamente pelos servidores da SMS, levando em conta a necessidade de intervenções e o grau de intensidade”, explica a secretária da Saúde de Aracaju, Waneska Barboza.

Desta maneira, a UBS Celso Daniel, no Santa Maria, foi a primeira beneficiada, uma reforma na qual foram alocados R$290 mil e resultou na reestruturação do prédio desde sua base até o acabamento, com uma nova pintura.

As reformas são feitas quando se constata uma situação mais vulnerável, no entanto os casos mais comuns estão ligados a necessidade de revitalizações, ou seja, uma manutenção corretiva mais intensa, como revisões elétricas e hidráulicas, e adequações, que variam de acordo com as especificidades de cada unidade, mas dizem respeito, normalmente, à modificações por conta de uma nova norma que entra em vigor.

“O respeito à acessibilidade é um aspecto comum a todas estas obras, tanto aquelas já finalizadas, as que estão em andamento, quanto as que ainda serão iniciadas, pois todos os projetos contempla a implantação de piso tátil, sinalização luminosa, banheiros para cadeirantes, e demais normas técnicas”, ressalta Waneska.       

Nos casos em que se constata uma demanda grande de atendimentos também são realizadas ampliações, como no caso da UBS Hugo Gurgel, no bairro Coroa do Meio, que, além da revisão do telhado, pintura geral e troca de esquadria, teve ampliado os consultórios odontológicos.

Neste momento, em sendo reformadas as UBS Renato Mazzi Lucas (Santos Dumont), Ministro Costa Cavalcante (Inácio Barbosa) e Geraldo Magela (São Conrado). A previsão do término de todos os projetos é agosto de 2020. Assim, a população aracajuana tem contado com uma infraestrutura moderna e eficiente ao procurar pelos serviços da rede municipal de saúde.